Patrocínio

Post Top Ad

Desenvolvimento

Nova ponte em Foz amplia potencialidades logísticas da tríplice fronteira


Com um orçamento inicial previsto em R$ 462,9 milhões, a nova ponte ligando Foz do Iguaçu a Presidente Franco, no Paraguai, terá 770 metros de comprimento, sendo 470 metros de vão livre, o maior vão livre estaiado (sistema de suspensão por cabos) do Brasil. Além de ser mais um atrativo, a nova passagem vai concentrar o fluxo de veículos de cargas, modificando a dinâmica de tráfego na tríplice fronteira.
 Esse é um dos aspectos das potencialidades logísticas da região que merece um olhar mais apurado, considerando-se também possibilidades de instalação de outros modais, como ferroviário e hidroviário. É nesse cenário que o Instituto de Desenvolvimento Econômico e Social de Fronteiras (IDESF) quer inserir os alunos da Pós-Graduação em Gestão, Estratégia e Planejamento em Fronteiras.
 O curso inicia em 22 de agosto e é multidisciplinar, mas terá módulo específico para debater o transporte e a logística da tríplice fronteira. A Pós-Graduação tem conteúdo programático abrangente e aprofundado, estruturado em cinco eixos de desenvolvimento: saúde, educação, economia e desenvolvimento, transporte e logística e segurança pública.
A qualificação forma profissionais com visão macro e estratégica, capacitando-os para atuar frente às características das fronteiras, tanto como gestores de projetos como propositores de modelos para seu desenvolvimento socioeconômico.
Como formação complementar e optativa, o curso oferece um módulo internacional, com o propósito de apresentar aos alunos os principais aspectos das dinâmicas das fronteiras dos países visitados. Ao final da pós-graduação, os alunos têm, ainda, seu trabalho de conclusão de curso (TCC) publicado em livro, editado pela Editora IDESF.

Fonte:

Postagens relacionadadas

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por comentar em nosso site, logo ele estará disponível para todos os usuários.

Patrocínio