Patrocínio

Post Top Ad

DestaquesSaúdeUtilidade Pública

Foz do Iguaçu destaca-se a nível nacional com programas de combate à COVID-19, 3 programas foram selecionados pelo SUS.



As iniciativas de combate à Covid-19 em Foz do Iguaçu ganharam destaque na última semana. Três projetos desenvolvidos dentro da Atenção Primária à Saúde (APS) foram selecionados para o prêmio APS Forte SUS - no combate à pandemia, projeto do Ministério da Saúde, por meio da Secretaria de Atenção Primária à Saúde (SAPS/MS), Organização Pan-americana da Saúde e Organização Mundial da Saúde (OPAS/OMS) no Brasil.

 

 

Na primeira chamada foram inscritos 1.294 trabalhos e apenas 149 foram selecionados. No total, a saúde do município inscreveu cinco projetos, três deles foram aprovados. Os projetos: Fast Track, do programa “O Brasil Conta Comigo", TeleSUS e Infográfico animado - cuidados durante o isolamento domiciliar.

 

 

“Cada um desses projetos tem uma importância ímpar dentro das estratégias desenvolvidas pelo município. Nos alegra em saber que podem vir a ser utilizados em outras cidades”, comentou o diretor de Atenção Básica, Ricardo Lacerda.

 

 

A iniciativa do Fast track, com a participação de acadêmicos do programa Brasil Conta Comigo,  foi adaptada de modo a manter a oferta do serviço, reduzindo o risco de exposição dos trabalhadores e usuários. O atendimento aos pacientes com Síndrome Respiratória está organizado em uma central telefônica (Plantão Coronavírus), um aplicativo digital para monitoramento de usuários (CovidPR), uma Unidade de Pronto Atendimento para Casos Respiratórios (Plantão 24 h Coronavírus) e o atendimento inicial em Fast Track nas Unidades de Saúde.

 

 

“O sistema possibilitou estruturar a triagem e captação precoce de pacientes com sintomas respiratórios, bem como manter o atendimento essencial em todas as UBS e em horários estendidos”, disse Lacerda.

 

 

Outro projeto selecionado foi o TeleSUS, uma ferramenta de busca ativa dos usuários do SUS com o objetivo de identificar casos suspeitos de COVID-19 e dengue e  pacientes com fatores de risco ou doenças crônicas não transmissíveis. Os dois projetos se conectam formando uma rede de informações para melhor enfrentamento à COVID-19.

 

 

 

O último projeto trata de um infográfico animado que apresenta os cuidados necessários durante o isolamento domiciliar, um informativo digital de fácil acesso, desenvolvido para sanar as principais dúvidas acerca da COVID-19. O infográfico foi desenvolvido por uma enfermeira para ser utilizado numa unidade de saúde, e tomou grandes proporções, hoje sendo distribuído a toda a cidade.

 

 

O resultado com os projetos premiados será divulgado em setembro, em data a ser definida pela organização.


Fonte: Agência Municipal de Notícias.

Postagens relacionadadas

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por comentar em nosso site, logo ele estará disponível para todos os usuários.

Patrocínio