Patrocínio

Post Top Ad

Fronteira

Ameaça de coronavírus e Paraguai fechado deixam Vila Portes deserta


A Vila Portes, o bairro mais movimentado de Foz do Iguaçu em dias de semana, está vazia. Poucas pessoas percorrem as ruas e menos ainda fazem compras na infinidade de lojas que são abrigadas no local. O baixo movimento é mais um dos reflexos do fechamento da fronteira e a ameaça do novo coronavírus (COVID-19).

O impacto maior é o fechamento da fronteira do lado paraguaio, pois um grande número de trabalhadores da Vila Portes vem do Paraguai, e um número considerável de compristas também. Além de que, turistas que vem comprar no Paraguai, também acabam passando pelo bairro.

Algumas lojas da Vila Portes estão optando por fechar as portas mais cedo, dispensando os funcionários para que retornem às suas casas. Segundo informações, algumas lojas já iniciaram um processo de demissão de funcionários para conter gastos durante o período de crise.

Veja algumas imagens feitas na manhã de hoje de um dos mais importantes centros comerciais de Foz do Iguaçu.


Fonte: Rádio Cultura

Postagens relacionadadas

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por comentar em nosso site, logo ele estará disponível para todos os usuários.

Patrocínio