Patrocínio

Post Top Ad

Destaques

Carreata em Foz do Iguaçu cobra vacina para toda à população


Você sabe quando será vacinado contra a covid-19? Esse foi um dos questionamentos feitos durante carreata em Foz do Iguaçu neste domingo, 31, para cobrar do poder público a imunização rápida e gratuita de toda a população. A mobilização também protestou contra o presidente Jair Bolsonaro (sem partido), pedindo a sua saída do cargo. 

Para os participantes do movimento, a vacina contra o novo coronavírus não está sendo ofertada em massa por ineficiência do governo federal, diferentemente do que ocorre em outros países. As mensagens públicas da presidência rejeitam o imunizante e propagandeiam medicamentos ineficazes contra à Covid-19. 

Com carro de som à frente, dezenas de veículos percorreram bairros populosos do município até a Feirinha da JK, no centro, onde ocorreu um ato público. Mesmo sob forte chuva, a carreata passou pelas regiões da Vila C, Cidade Nova, Vila A, Morumbi, Campos do Iguaçu e Jardim São Paulo, além de avenidas como a Paraná, República Argentina e Brasil. 


Integrando uma agenda nacional nas principais cidades do país, a ação em Foz do Iguaçu foi promovida por sindicatos, movimentos sociais, organizações de juventude e partidos políticos do campo popular e de esquerda. A carreata ainda defendeu a importância do Sistema Único de Saúde (SUS) e o trabalho dos servidores públicos junto à população. 


“A cada dia, são vidas perdidas no país, no Paraná e em Foz do Iguaçu, enquanto demora a efetivação de um plano de imunização para toda a população”, afirmou a pedagoga Cátia Castro, integrante da organização da carreata. “Se não houver cobrança da sociedade, não vai ter vacina contra à Covid-19 para todos”, apontou. 


A vacinação em massa é o meio de se atingir a imunidade coletiva e o controle da pandemia, segundo profissionais de saúde. “Já há uma variante nova do vírus que está devastando os moradores de Manaus e do Amazonas, e se espalhando para outros estados. Não é possível deixar a população esperando mais tempo pela vacina por incompetência dos governos”, frisou Cátia. 


Fonte: GDia

Postagens relacionadadas

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por comentar em nosso site, logo ele estará disponível para todos os usuários.

Patrocínio